O QUE ACONTECEU COM A FELTRO FÁCIL? CHÁ DE SUMIÇO

0
2026

O QUE ACONTECEU COM A FELTRO FÁCIL? Essa é a pergunta que muitos dos nossos seguidores nos fizeram nesse último mês: O QUE ACONTECEU COM A FELTRO FÁCIL? PORQUE A FELTRO FÁCIL SUMIU? O QUE HOUVE AFINAL?

A resposta é: SIM, estamos sumidos. Mas esse sumiço não é um por um motivo proposital. Muitos já devem estar sabendo que recentemente tivemos a nossa página no Facebook ROUBADA. Sim…isso aconteceu com a gente. Uma página criada a três anos atrás com muito Amor e carinho. Uma página que cresceu, que trabalhou com Amor e devoção ao artesanato e feltro.  E ao contrário do que muitos pensam, SIM foi muita devoção e SIM trabalhei com muito AMOR.

A página da Feltro Fácil no Facebook começou a partir de um sentimento de admiração e muito carinho por um público que na época, quando esse nicho de mercado começou a emergir, manifestava uma carência de informações. Não havia uma página dedicada somente para reunir informações sobre MOLDES e tutoriais do nicho do artesanato em feltro. Não havia uma fonte de informações organizada e gratuita sobre isso.

A partir dessa necessidade surgiu a FELTRO FÁCIL. Uma página direcionada somente ao ARTESANATO EM FELTRO, destinada a reunir informações, moldes e conteúdos diversos para as pessoas pesquisarem, se inspirarem e aprenderem sobre essa arte. Um espaço gratuito para os seguidores e admiradores da arte.

Com o passar do tempo é lógico, a página cresceu e consequentemente, o nosso trabalho também. Surgiu com isso a necessidade de termos uma renda para que pudéssemos nos dedicar ao mundo do feltro em tempo integral fazendo disso a nossa fonte de renda. Não foi e não está sendo fácil. Quem conhece e trabalha no mundo do artesanato, sabe que não é fácil.

O trabalho é lento e árduo. A nossa página no Facebook sempre ajudou bastante pois ela cresceu e tem um grande número de pessoas seguindo. E páginas quando começam a ficar grande e atingir uma certa relevância, torna-se consequentemente um alvo mirado por hackers. E para a nossa tristeza esse alvo foi atingido.

Em abril de 2018 chega uma mensagem no inbox de nossa página de uma pessoa falando sobre uma parceria que ela gostaria de fazer conosco. Abrimos a mensagem dessa pessoa e quando clicamos no recurso que ela oferecia que aparentemente tratava-se de uma ferramenta autorizada pelo próprio FACEBOOK, o pior aconteceu.

O software apresentado tomou propriedade (não sabemos como) da página. Nas informações da página esse tal aplicativo estava aparecendo como proprietário da Fanpage. Isso foi muito surpreendente pois nem a própria pessoa que a criou que foi eu, nunca havia aparecido na página como proprietária. Como que agora um aplicativo que sequer autorizamos estava aparecendo como proprietário da página? Assim, apenas com um clique. Tentamos em seguida de todas as maneiras um contato com a plataforma do Facebook. Claro que, sem sucesso. Quem enfrenta ou já enfrentou problemas no facebook sabe que simplesmente NÃO EXISTE  um canal de comunicação com eles. Somente links que levam a outros links. Não há um telefone, um e-mail, um chat ABSOLUTAMENTE NADA que conduza o seu público a um contato mais pessoal para resolução de problemas. Foi então que a gente concluiu que não havia uma outra maneira para tentarmos a recuperação da página senão pela ação da justiça. E foi isso que fizemos já no dia seguinte, sem perca de tempo.

Acionamos a justiça denunciando o ocorrido no Facebook. Movemos uma ação com um pedido de liminar para a recuperação de propriedade da página com urgência e outra ação por danos morais a nossa marca. A dois dias atrás tivemos a resposta. A nossa liminar foi aceita pela justiça e o Facebook é obrigado a nos devolver a propriedade da página com uma penalização de R$ 500,00 de multa por dia enquanto nossa página não for devolvida. Fora isso ainda há o pedido de indenização por danos morais.

Quem acompanha a nossa página sabe o tipo de conteúdo que vem sendo postado frequentemente. Conteúdos nada similiares ao nosso nicho, muitas vezes com imagens de nudez, eróticas, agressivas, coisas que SEQUER deveriam estarem sendo publicadas no Facebook. 

Cada vez que víamos um conteúdo desse tipo sendo publicado em nosso nome, com a nossa marca estampada na página, era como se fosse uma pancada recebida. Em vários momentos chorei, a depressão parecia tomar posse de mim. Parei de produzir artes, minha MENTE simplesmente não conseguia mais CRIAR nada. Foi uma dor que marcou. Era todo um trabalho que havíamos produzido com tanto afinco e carinho sendo jogado no lixo, denegrido por conta de uma falha de segurança e atendimento do Facebook. 

Até esse determinado momento do qual estou editando essa postagem a nossa página ainda não retornou para nós. Mesmo a decisão da justiça já tendo sido favorável para nós, ainda sinto a dor e a tristeza que esse ocorrido causou. Não sabemos ainda quanto tempo vai levar até que o Facebook nos devolva o que é nosso. Enquanto isso estamos aqui aguardando e depois de algum tempo de muita angústia e tristeza tomei coragem de escrever esse post.

Agora, um pouco mais animada com a decisão da justiça mas ao mesmo tempo, ainda angustiada e insegura sobre o tempo que isso vai levar. Pedimos a vocês que estão lendo esse artigo, se são seguidores da nossa página, que DENUNCIEM as postagens que eles publicam. Não é preciso deixar de curtir ou seguir a página por que iremos recuperá-la mas denunciem aquelas postagens que não deveriam estar sendo publicadas. Comentem, alertem as outras pessoas sobre o que está acontecendo.

Acreditamos que em breve estaremos novamente em atividade e com notícias boas a caminho! Agradecemos de coração a todos vocês que tem nos dado palavras de carinho e motivadoras pois isso nos ajudou de verdade. Sem vocês nada disso seria possível. Um abraço carinhoso a todos e que juntos possamos vencer essa batalha e servir de exemplo a outros casos que possam ainda vir. Estaremos sempre dispostos a ajudar quem quer que seja. Não desejamos que isso aconteça com ninguém, mas se acontecer, estamos aqui, dispostos a ajudar no que estiver ao nosso alcance. Obrigado mais uma vez.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code